quarta-feira, 4 de novembro de 2009




Os cílios agarraram-se às pálpebras quando tentei fechar meus olhos. Mas você assoprou e todos voaram. De novo nasceram e de novo voaram. Não faça mais isso! Quem vai cortar a lágrima em fatias no dia em que você for embora?


Rita Apoena

4 comentários:

  1. que meigo teu blog, que textos lindos!
    *-*

    adorei, to seguindo


    .

    ResponderExcluir
  2. lindo poema!
    adorei seu blog

    estou seguindo
    beijos!

    ResponderExcluir